PME de excelência

| Štítky:

Melhores empresas do ano distinguidas com o Estatuto PME Excelência

Foram distinguidas com o estatuto PME Excelência 2010 as 1100 pequenas e médias empresas que apresentaram os melhores desempenhos económico-financeiros e de gestão do ano.220x_excelencia_10.jpg

Trata-se de empresas que, nos vários sectores de actividade, se evidenciaram pela qualidade dos seus resultados e elevados padrões competitivos, com rácios de solidez financeira e de rendibilidade acima da média nacional, e que contribuem activamente para as dinâmicas de desenvolvimento e de emprego das várias regiões.

As empresas PME Excelência têm vindo a afirmar-se no mercado com apostas em estratégias de inovação e internacionalização, que espelham bem a qualidade dos resultados alcançados, as quais constituem exemplos de sucesso inspiradores para as restantes empresas nacionais.

Em conjunto, as PME Excelência geram mais de 37 mil postos de trabalho directos e foram responsáveis por um volume de negócios superior a 4,5 mil milhões de euros no último ano, a que correspondeu uma taxa média de crescimento de 11%. Com um activo líquido global de 3,6 mil milhões de euros, as PME Excelência apresentam uma autonomia financeira média de 52% e níveis de rendibilidade dos capitais próprios (20%), do investimento (10%) e das vendas (8%) superiores à média. Também os seus resultados líquidos, activo e exportações, cresceram, 22%, 12% e 18%, respectivamente.

Em termos de sectores de actividade, o comércio e a indústria são os mais representados nas PME Excelência, com 59% do total. Os serviços, com 16%, a construção, 13%, e o Turismo, 8%, são, a seguir, as actividades mais representativas no universo premiado.

Em termos de distribuição geográfica, os distritos do Porto e Lisboa, seguidos de Aveiro, Braga e Leiria, com respectivamente 205, 200, 124, 112 e 82 empresas, são os que reúnem o maior número de PME Excelência.

O Estatuto PME Excelência insere-se num programa de qualificação de empresas do IAPMEI, o programa FINCRESCE, que visa conferir notoriedade e optimizar condições de financiamento e de reforço competitivo ao segmento das PME Líder, empresas com perfis de risco superiores, que pelas suas estratégias de crescimento constituem alavancas importantes do desenvolvimento económico do País.